YOGA E MEDITAÇÃO EM CAMPINAS

30 de out de 2013

Yoga para Olhos - Em novembro no Padma Bhavam

Em novembro faremos no Padma Bhavam a 9a. edição do Workshop Yoga para os Olhos.

O curso está voltado para  todos que tenham algum problema de visão ou para aqueles que queiram prevenir futuros problemas e aprender como cuidar bem de seus olhos.

Problemas de visão como miopia, astigmatismo, hipermetropia, presbiopia (dificuldade de ver de perto), além de outros mais sérios como catarata, glaucoma, entre outros são abordados nesse curso. Com enfoque extremamente prático, os participantes recebem orientações, dicas e um roteiro de exercicios, que podem facilmente ser introduzidos no seu dia-a-dia.

Veja abaixo as informações detalhadas sobre o curso e como se inscrever:



8 de out de 2013

Quem tem medo de cair?



Por Ivan Zacharauskas



Há alguns anos, começando a praticar hatha yoga, lembro-me de numa aula estar buscando o equilíbrio em pouso sobre a cabeça (salamba sirsasana) e sentir, de início lentamente e depois cada vez mais rápido, a queda de costas e o inevitável aproximar-se do chão do qual nada passa. Deixei-me cair, rolei com o corpo solto e a queda foi tranquila.


Tempos depois, dando aulas na mesma escola, um aluno perguntou-me o motivo de praticarmos pouso sobre a cabeça, quando tantas outras posturas invertidas estavam disponíveis no hatha yoga. Estudei minha prática pessoal, refleti e busquei uma resposta para as aulas seguintes.

3 de out de 2013

Como desenvolver sua prática pessoal de yoga?


Por Vanessa Malagó

No artigo publicado na semana passada (A importância de ter uma prática pessoal de yoga) tratamos da importância de se ter uma prática pessoal de yoga como complemento à prática em aula. Hoje vamos trazer algumas dicas e recomendações para que você possa construir uma prática pessoal com segurança.


A primeira dificuldade que normalmente percebo em meus alunos para começarem a praticar em casa é a de instituir uma nova rotina. Provavelmente vai ser difícil logo de cara você conseguir reservar de 1h a 1h30 para praticar em casa, se isso já não faz parte da sua rotina regular. Também não adianta colocar essa intenção e ela durar apenas nas primeiras semanas e depois você não conseguir manter um horário para praticar. Portanto, minha sugestão é começar apenas com alguns minutos. Se você conseguir reservar 30 minutos do seu dia uma ou duas vezes por semana já pode ser um ótimo começo. Senão, até mesmo 15 minutos já está valendo.  Você não conseguirá trabalhar as mesmas coisas que trabalha numa aula de 1h ou 1h30, mas poderá dedicar esse tempo para fazer alguma pequena sequência de posturas, alguma técnica de purificação (kriya), um exercício respiratório, um mudra ou alguma técnica de concentração. De início procure trabalhar com algo que você goste ou com alguma postura ou exercício que ajude a aliviar algum tipo de desconforto que você tenha normalmente. O tempo que você dedica para a prática fica sendo assim um momento prazeroso do seu dia. Isso vai ajudá-lo a construir uma rotina, de modo que depois de 1 ou 2 meses, se por acaso ficar algum dia sem a sua prática regular, é bem capaz que sinta falta dela. A partir do momento que se constrói o hábito, fica então mais fácil ir aos poucos estendendo o tempo de prática.